Pesquisar este blog

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

"EXCLUIR ARQUIVOS?" "SIM". Quero dizer, Não! Não! Nãoooooo!!!!!

.... E assim perdi quase toda minha coleção de animes das últimas semanas. 

Sem querer apertei o maldito botão "SIM" ao invés do óbvio "NÃO". Como os arquivos eram muito grandes para irem para a lixeira, adivinha? Foram todos excluídos para o limbo dimensional dos confins do HD. Minha temporada de animes de outono, meus amados e idolatrados salve-salve OVAs de Samurai Troopers... Tudo, em questão de uns poucos segundos tinha sido exluído. Apertei o "cancelar" como quem vai salvar o mundo de uma explosão nuclear, mas a metade da pasta já tinha ido embora. Gintama, Chihayafuru, Persona 4... Semanas de download sumiram num piscar de olhos.

" MAS COMO VOCÊ FAZ UMA COISA DESSAS, SUA ANTA?- É o que você deve estar se perguntando, né?

E foi justamente pra fazer um backup dos meus arquivos que acabei nessa confusão toda...
Numa linda manhã de sol do meu domingão feliz, usei meu HD externo para salvar a muambada toda. E-mails de trabalho, documentos, e claro- animes! E no processo de , que estava precisando de uma limpeza, e a pasta media a ser excluída ERA a do HD externo, e não do HD do netbook. Na pressa e na falta de atenção adivinha onde a bonita inventou a exclusão de arquivos? Exatamente na pasta original, e que NÃO tinha sido salva ainda para o
HD externo...

Minha gente, só deu tempo de gritar um "NÃOOOO!" mais escandaloso que qualquer seiyuu de anime... E mesmo cancelando a operação, já tinha perdido muita coisa...

Então você me pergunta: "E DEPOIS DA TRAGÉDIA?"

E eu respondo pra você, otaku-chan: "NÃO HOUVE TRAGÉDIA"!

Fui salva, resgatada pelo programa que mais amo no mundo e que sempre está pronto a me salvar de burrices, formatações e erros fatais do windows: com vocês.... o amor da minha vida, paixão do meu coração...

RECOVER4ALL PROFESSIONAL!
O coração fica por minha conta, não é um software emocore!

A interface é simples, sem a menor intenção de mostrar sofisticação ou impressionar o usuário. Aliás, quando você recorre a um programa desses, no mínimo uma preocupação du hell já bateu à sua porta, e a última coisa que você vai se preocupar é com a estética da coisa. Só tem que acontecer a ressurreição dos programas, e sem esperar o sétimo dia!


Todo mundo conhece um recuperador de arquivos (será?), e o que eu estou mostrando aqui não é nenhum truque novo na manga. Mas imagino que muita gente não sabe o que fazer quando o windows resolve dar aquele erro de registro maravilhoso e não iniciar mais, por exemplo. Ou uma atitude anta feito a minha que deleta meio mundo sem querer...

O recover4all não faz milagres, mas com certeza dá pra recuperar muita coisa. No meu caso, consegui recuperar TODOS os arquivos apagados. Daí a gente não pode generalizar e afirmar que tudo vai ser maravilhoso para todos que estão na porta da esperança, porque a maldita Lei de Murphy pode fazer dos seus arquivos a torrada com a manteiga virada pra baixo. Mas não custa tentar! Aqueles arquivos apagados de pen drives, cartões de memória e HDs podem ter uma chance de salvação, e a sua historia pode ter um final feliz, né?
Pelo menos pra mim, tenho esse programa como meu porto seguro nas horas de desespero! Sempre que precisei consegui recuperar muitos arquivos, então não abro mão! Se você procura uma coisa fácil de usar, fique a vontade! A casa é sua, baixe e deixe por aí... Nunca se sabe quando vai precisar, né? O link abaixo tem o programa e o serial...

Bye bye!

Um comentário: